A China revela o laboratório subterrâneo mais profundo do mundo

Publicidade

Não é novidade que a China é um dos países pioneiros na investigação e descoberta, e este é apenas mais um passo para desvendar novos mistérios do universo. O Laboratório Subterrâneo China Jinping tem uma área equivalente a 120 piscinas olímpicas, com uma profundidade de 1,5 quilómetros abaixo da superfície da Terra.

Esta construção ultrapassou o Laboratório Nacional Gran Sasso, em Itália, e destina-se à investigação da matéria negra. Pensa-se que pelo menos um quarto do universo é constituído por esta substância, que é invisível e não absorve nem reflecte a luz.

Publicidade

As condições do local incluem uma radiação ambiental muito baixa e uma concentração de gás radioativo natural, o que beneficia a exploração da matéria em questão.

Publicidade
Livro Grátis de Apostas Desportivas