Benefícios da Água de Côco para a saúde e perder peso


Se és daquele tipo de pessoa que se preocupa com a saúde e luta contra o excesso de peso, a água de côco pode ser muito benéfica. Aqui mostramos os benefícios desta bebida para a saúde e para perder peso.

Benefícios da Água de Côco

Os benefícios desta bebida são muitos, até porque 94% da sua composição é água e o seu teor de gordura é mínimo. Por isso, quem quer peder peso vê nesta bebida uma grande aliada. Mas os benefícios vão bem além do emagrecimento. Confere.

Hidrata

A água de côco é excelente para manter a hidratação. Muitos atletas já introduziram esta água na sua dieta, e com excelentes resultados pois, além de água, tem sais minerais que previnem a desidratação.

Outra vantagem é o seu teor em eletrólitos que são essenciais para a recuperação dos músculos, assim como uma grande quantidade de potássio. Por isso ela é semelhante às bebidas desportivas que se vendem por aí.

Ajuda a perder peso

A água de côco tem sido muito usada por famosos quando querem perder peso. A grande vantagem é que esta bebida ajuda a diminuir desejos por doces e outros alimentos calóricos.

Como tem pouquíssimas calorias, não há problema em beber diariamente.

Ajuda a rejuvenescer

Como se trata de um poderoso antioxidante natural, a água de coco ajuda no rejuvenescimento, evitando o envelhecimento precoce das células do nosso corpo.

Melhora a saúde

Esta bebida é poderosa quando se trata do bem-estar geral e sa saúde. Além de reduzir os níveis de insulina e triglicerídeos, diminuiu a pressão arterial, os níveis de colesterol, e gordura no fígado.

Por isso, ao consumir regularmente água de côco, previne uma série de doenças cardiovasculares.

Reduz retenção de líquidos

A água de côco é um diurético natural, por isso é muito benéfico na redução da retenção de líquidos. Ao ser diurético, é também útil para prevenir a formação de pedra nos rins.

Previne doenças

Como é muito rica em manganês, a água de côco ajuda a prevenir uma série de doenças, como osteoporose, diabetes, síndrome pré-menstrual, artrite, epilepsia, entre várias outras.