Camionistas escoltados pela GNR arrependem-se e juntam-se à greve

Publicidade

Durante a greve dos camionistas de transporte de materiais perigosos, um grupo de camionistas escoltados pela GNR saíram da rota, arrependidos, e juntaram-se à greve.

O episódio deu-se no dia 17 deste mês, no Barreiro, quando alguns camiões cisterna com combustíveis desistiram de obedecer às ordens do patrão para se juntarem aos seus colegas de profissão.

Fechar Artigo Promovido E Ver Vídeo ×