Erro grave de árbitro no Paraguai culmina com ida à esquadra da polícia


Um erro grave do árbitro assistente Cristian Aquino que afirmou ao juiz ter sido golo culminou numa confusão que terminou na esquadra da polícia.

O episódio decorreu no jogo entre Cerro Porteño e Sportivo San Lorenzo para o campeonato no Paraguai. Sebastián Fernández rematou à baliza mas bateu na trave. Só que o árbitro assistente não viu dessa forma.

Quando o jogo terminou, foi difícil para a equipa de arbitragem sair do estádio. Foram directos para a polícia prestar queixa por agressão a um mebro da equipa médica do Cerro Porteño.

Fechar Anúncio E Ver Vídeo ×