Homem britânico processa polícia depois do seu Ferrari ter sido destruído ao ser apreendido

Publicidade

Um homem britânico, milionário, de 31 anos processou a polícia depois do seu Ferrari 458 Spider ter sido apreendido e depois destruído.

De acordo com a polícia, o carro teria sido destruído porque tinha o seguro inválido, e o mesmo era classificado como impróprio para circular na estrada, factos esses que explicam a destruição do veículo.

Fechar Artigo Promovido E Ver Vídeo ×