IKEA lança alerta após bebé morrer estrangulado por fio de candeeiro

Publicidade

A empresa IKEA publicou um alerta de segurança na sua página oficial relativamente ao candeeiro de parede da linha ‘Smila’, à venda nas suas lojas. Este comunicado surge na sequência do caso de Daniel Madden, um bebé de 17 meses, que morreu estrangulado pelo fio do candeeiro.

ikea aviso

Publicidade

“A segurança é uma prioridade máxima para a IKEA. Por isso, pedimos aos nossos clientes que tenham um candeeiro de parede SMILA, que verifiquem imediatamente se o candeeiro e o respetivo cabo estão fora do alcance de crianças quando instalados junto a um berço ou espaço de actividades, e que o cabo está fixo de forma segura à parede”, pode ler-se na página oficial da IKEA.

O incidente, que teve lugar em Glasgow, no Reino Unido, aconteceu em Outubro do ano passado mas só foi conhecido agora, de acordo com o Scottish Express.

O conhecimento do caso levou a marca a alertar todos os clientes para que voltem às lojas com o artigo para que recebam um “kit de reparação com uma etiqueta de segurança, instruções de segurança e fixadores autoadesivos para fixar o cabo do candeeiro à parede”.

A empresa acrescenta: “Qualquer artigo que utilize cabos ou cordões, tais como estores ou persianas, pode apresentar um risco para os mais pequenos. Por isso, os cabos e cordões devem estar sempre fora do alcance das crianças”.

Fonte: noticiasaominuto



Livro Grátis de Apostas Desportivas
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Artigo anteriorAvião da TAP faz aterragem de emergência
Próximo artigoPapa Francisco foi apanhado a tirar macacos do nariz